Vamos juntos por Vila Bela?

Deroní Mendes - Vila Bela da Santíssima Trindade, minha terrinha amada. Minha cidade natal,  que fica lá no sudoeste de Mato-grossense. Bem na fronteira com a Bolívia. Lugar único de belezas naturais sem igual, onde o Pantanal, Amazônia e Cerrado se fazem presentes. Cidade histórica, 264 anos, foi a primeira capital de Mato Grosso fundada as margens Rio Guaporé ainda no Brasil escravocrata especialmente para assegurar que estava habitado por portugueses e por sua vez mão fosse invadido pelos espanhóis.
Conhecida no estado como “Cidade Negra”, pois mais de 70% da população se autodeclara negros entre os habitantes. Mas, Vila Bela é também uma das cidades com o pior IDH do estado. Em contrapartida, está entre as 10 cidades com maior rebanho bovino do Brasil e entre as 61 cidades Mato grossense que em 2016, elegeu um prefeito milionário, Wagner Vicente da Silveira (PV). 

Natural de Caçu (GO), Wagner é empresário, tem 61 anos e está na política vilabelense a mais de 30 anos, afinal foi eleito pelo povo pela 5ª vez para um cargo público em 1988, quando elegeu-se vereador pelo Partido dos Trabalhadores (PT).  Ainda no PT, candidatou-se outras 3 vezes. Em 1992 se candidatou à prefeito, mas não venceu. Em 2000 foi eleito vereador, e exerceu o cargo de presidente da casa pelos 4 anos. Em 2005 foi eleito prefeito, e reeleito em 2008, ainda pelo PT. Em outubro de 2015, filiou-se ao Partido Verde (PV), sendo foi eleito em 2016 pela coligação "Vamos juntos por Vila Bela".

Wagner, justificou sua saída do PTe filiação ao PV porque "o PV é um partido sem escândalo e com companheiros sérios, idôneos e comprometidos. Tomei esta decisão política porque juntos queremos o melhor para Vila Bela e para Mato Grosso (...)”

Em 2012, Wagner foi o principal articulador da campanha eleitoral e vitoriosa do atual prefeito Anderson Andrade (PDT). Na disputa em disputa de 2016, 4 anos depois Wagner (agora no PV) venceu Anderson (atualmente no PSDB) por uma diferença de 1.781 votos. De acordo com o portal de notícias G1 Wagner é um dos 61 milionários que se elegeram prefeito mato-grossense em 2016.

Em 1° de janeiro de 2017, ele assumirá a prefeitura de Vila Bela pela 3ª vez em menos de 15 anos. Com uma população estimada pelo IBGE em 15.406 habitantes, Vila Bela está  entre as 10 cidades
brasileiras detentora do maior rebanho bovino do Brasil segundo   dados do "Perfil da Pecuária no Brasil - Relatório Anual" divulgado recentemente pela Associação Brasileira das Indústrias Exportadoras de Carne (ABIEC), em conjunto com a Agência Brasileira de Promoção de Exportações e Investimentos (Apex-Brasil).

Com um rebanho estimado em 946.200 mil cabeças, Vila Bela tem o 6° maior rebanho bovino do Brasil, o numero de cabeça, saltou de  295,6 mil cabeças para 943,2 mil em 20 anos. tem aproximadamente, 61,417 cabeça de boi  para cada  habitante.

Por outro lado, Vila Bela tem um dos piores Índices de Desenvolvimento Humano (IDH) de Mato Grosso, ocupando a posição de número 126 entre os 141 municípios mato-grossense de acordo com o  Programa das Nações Unidas para o Desenvolvimento (PNUD).  
 
De acordo com dados do PNUD divulgado em 2013, entre 1991 e 2010, houve significativa melhora no IDH do município, de 0,328 em 1991 para  0.645 em 2010. Portanto, melhorar a qualidade de vida da população Vilabelense, não será obstáculo intransponível para um gestor que conhece os problemas do município, foi gestor do município por 8 anos, elegeu o atual prefeito em 2012, se elegeu com o slogam “Vamos Juntos por Vila Bela” e é filiado ao PV, partido que é da base aliada do atual governo do estado, Pedro Taques (PSDB) e do presidente da república, Michel Temer.

Dentro desta perspectiva, considerando o passado político recente dos dois, e o nome da coligação
vencedora, a atual gestão e a futura gestão já deveriam estar sentando para discutir a transição, afinal, Vila Bela não pode parar. Independente de filiação partidária, a corrida eleitoral 2016, encerrou-se em 02/10/2016 as 17h00. Nesse sentido, é desejável que Wagner dê continuidade e consolide as ações que deram certo na atual gestão, melhore aquilo que não deu muito certo e discuta com a população e o legislativo como implementar as propostas de campanha que o elegeu.

Por sua vez, a população vilabelense, independente de ter votado no Wagner ou no Anderson, precisa e deve exercer a cidadania fazendo o controle social, fiscalizando, cobrando tanto do executivo quanto do legislativo.  

Infelizmente, pelas redes sociais, a impressão que se tem é que a campanha politica ainda não acabou para alguns. Percebe-se que há eleitores que seguem provocando uns aos outros, ou com insinuações de que houve irregularidades por parte do candidato eleito, outros por parte do derrotado, ou ainda,  que o atual gestor está ressentido com a derrota e por isso  perseguindo quem não o apoiou.  

Enquanto vilabelense que viveu mais da metade da minha existência e Vila Bela isso com tristeza. Os atuais ataques e/ou provocações pós eleições nas redes sociais, me trazem  lembranças tristes e vergonhosas das disputas eleitorais ocorridas nas eleições de 1996 e 2000,onde as disputas não terminaram nas urnas. Durante e depois da campanha eleitoral, a cidade  continuou dividida, famílias de relações cortadas, amizades de longa data  desfeitas. 

Além, disso, houve perseguição politica por parte dos prefeitos eleitos. Foi por essa perseguição que em 2001,  deixei minha  recém iniciada carreira de professora de geografia na rede municipal, depois de não conseguir sala de aula nem na zona rural fui avisada que o então prefeito havia ordenado a secretaria de educação que “contratasse um cachorro como professor, se necessário fosse”. Que eu não lecionaria em sua gestão. Devo confessar que isso não foi de todo ruim.  Muita coisa boa me aconteceram  de lá prá cá.  Talvez até devesse agradecer ao então prefeito, Joel Pereira pela força (risos).

Enfim, estou longe a 15 anos, mas meu coração continua lá, e por isso meu maior desejo é de que meu povo, que vive em Vila Bela tenham em mente que as eleições 2016 encerrou-se no dia 02/10. Os Eleitores, e candidato da coligação derrotada, por favor, considerem o slogam da coligação vencedora (“vamos juntos por Vila Bela”), um convite. Sem ressentimentos, aceitem. E aos que apoiaram e votaram na coligação vencedora,  tenham grandeza, deixem de lado as provocações e perseguição, pois é desejável que um gestor governe prá todos. Além, disso, estudos confirmam que cidades onde a população não se une para trabalhar junto e fiscalizar o executivo e legislativo, são as que com maior ocorrência de  desvio de recursos públicos, desigualdades sociais e econômicas populacionais.

Vila Bela sempre teve e continua tendo todas as condições para se desenvolver tanto do ponto de vista social quanto,econômico e ambiental, depende da empenho e vontade politica dos gestores e do legislativo, mas principalmente do controle social por parte da população.

Share:

1 comentários

  1. I have learn a few good stuff here. Certainly value bookmarking for revisiting. I wonder how so much attempt you place to make any such magnificent informative website. all of craigslist

    ResponderExcluir